Este site usa cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site dá o consentimento para o seu uso. Ver mais OK

Afeganistão. O que podemos fazer?

Na Papa-léguas é raro fazermos posts de carácter político. No entanto, a tomada do poder, no Afeganistão, pelos Talibãs e tudo o que isso representa no retrocesso de liberdades e direitos de um povo, sobretudo das mulheres, choca-nos. Como pessoas e como empresa não podemos ficar calados.
 
O que podemos fazer?
 
1. Seguir informação Credível.
A informação é chave. Não confundir o Islão com Radicalismo Islâmico. NÃO SÃO A MESMA COISA.
Seguir as informações nos vários meios de comunicação  - jornais, revistas, televisões e redes sociais - que estão no terreno e espalhar a noticia é fundamental. O efeito “bola de neve” de informação credível é muito importante para alertar a opinião pública do que se esta a passar.
Assine as newsletter de organizações que estão no terreno como é o caso da UNHCR https://www.unhcr.org/subscribe-to-the-unhcr-newsletter
 
2.Fazer um donativo para uma ONG no terreno
Seguir o trabalho de associações que estão no terreno e doar se for possível. Há várias ONG que trabalham há décadas com o povo afegão. Todas ou quase todas sem exceção têm lançado notas informativas sobre o que se está a passar e pedem auxílio em forma de donativos. Por isso se vos for possível façam o vosso donativo.
Por favor leiam cuidadosamente os sites e redes sociais de cada uma das organizações que tenham operações de emergência em curso.
 
Agência das Nações Unidas para os Refugiados https://www.unhcr.org
A Agência das Nações Unidas para os Refugiados está “virtualmente” em todos os cantos do globo onde as populações necessitam de ajuda devido a desastres naturais ou conflitos, como acontece atualmente no Afeganistão. Apoiam em tudo o que podem aqueles que perderam tudo ou quase tudo.
 
Women for Women International https://www.womenforwomen.org | instagram @womenforwomen
Estão no Afeganistão desde 2002 compresença em 5 províncias tendo ajudado com os seus projetos mais de 127000 mulheres.
 
The International Rescue Committee https://www.rescue.org | Instagram @rescueorg
Estão no Afeganistão desde 1988 ajudando as populações a terem condições de vida básicas - ajudando na construção de casas ou abrigos e na obtenção de água potável -  bem como na construção de escolas e criação de condições para a educação de jovens.
 
Cruz Vermelha Internacional https://www.icrc.org | Instagram @icrc
A Cruz Vermelha Internacional quase que não precisa de apresentação. Está presente em várias regiões do globo assoladas por guerras, conflitos ou desastres naturais. O Afeganistão não é exceção. Estão há 30 anos no país.
 
ACTED https://www.acted.org/en/countries/afghanistan/ | Twitter /twitter.com/ACTED
Esta ONG Francesa está no terreno desde 1993 centrando a sua atuação nas zonas norte e oriental do Afeganistão. Ajudam na assistência alimentar e na prestação de serviços básicos como acesso a água potável e abrigo aos deslocados e refugiados.
 
Estes são apenas cinco exemplos. Muitos outros haverão de maior ou menor escala, mas que, nesta fase farão seguramente a diferença.
 
3. Apoiar o governo na aceitação de refugiados Afegãos.
Seguindo as regras estabelecidas para a aceitação e recepção de refugiados, podemos e devemos mostrar aos nossos governantes que também, e sobretudo, neste caso é preciso agir rápido.
 
Obrigado.